Curso NR35

O curso NR35 é voltado a capacitação de profissionais que atuarão em trabalhos nas alturas. Desse modo, tem como objetivo promover conhecimentos acerca da segurança e saúde em sua realização.

Esse curso é importante pois, previne a ocorrência de acidentes e danos à vida. Tanto de colaboradores de uma empresa, quanto de terceiros. Continue a leitura e veja mais do assunto!

 

Curso NR35: Trabalho em Altura

O NR-35 é um curso de capacitação e aperfeiçoamento que ensina procedimentos para a segurança, proteção e saúde. Com foco em todo o tipo de trabalho realizado em altura.

Segundo a Norma Regulamentadora 35, considera-se todas as atividades realizadas a mais de 2 metros acima do chão. Ou do nível inferior ao trabalho, existindo então, risco de queda. Em atividades que fazem uso de:

  • Plataformas;
  • Andaimes;
  • Escadas.

Portanto, falamos assim de uma certificação para colaboradores e empresas. Nele, ensina-se todas os procedimentos de cada etapa: planejamento, organização e execução do trabalho.

O que inclui o manuseio ideal e correto de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual). A fim então, de reduzir os acidentes, quedas e danos que podem ser causados em tais atividades.

Mas, o curso ensina ainda a como lidar e se prevenir de riscos externos. Tais como, mudanças climáticas e aspectos relacionados ao ambiente.

Quais são as matérias aprendidas no curso NR35?

Existem matérias de exigência para as Normas Regulamentadoras 35 que determinam se o profissional estará ou não capacitado. Isso vai definir sua capacidade de exercer tal função.

Portanto, ele deve realizar um treinamento prático e teórico no qual devem estar presentes as seguintes matérias:

  • Normas e regulamentos cabíveis ao trabalho em altura;
  • Análise de riscos e condições que causam impedimentos;
  • Riscos potenciais próprios da atuação em altura e medidas preventivas e de controle;
  • Sistemas, equipamentos e procedimentos para proteção coletiva;
  • Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para trabalhos em alturas: seleção, inspeção, conservação e limitação de uso;
  • Acidentes típicos para trabalhos realizados em alturas;
  • Condutas em emergências: noções de técnicas de resgate e de primeiros socorros.

Além disso, o curso deve possuir uma carga horária mínima de 8 horas. Outro ponto importante a entender é a reciclagem do curso.

Ou seja, a cada dois anos ele deve ser refeito, sempre com a carga horária mínima de 8 horas. Mas, a reciclagem pode ser necessária e obrigatória nos seguintes casos:

  • Quando operações, procedimentos ou condições de trabalho sofrerem mudanças;
  • Ao mudar de empresa ou ficar mais de 90 dias afastado do trabalho.

Quais são as atividades aprendidas?

O curso é formado tanto por aulas práticas quanto teóricas. Desse modo, as atividades envolvem a discussão das normativas e procedimentos.

Além disso, inclui simulações práticas de como atuar com segurança nos trabalhos em alturas. Incluindo também, simulações de como proceder em caso de acidentes.

Mas, vale destacar que a atividade não é destinada a qualquer público. Bem como, é obrigatório a profissionais que atuam nesse tipo de atividade.

Caso ainda possua alguma dúvida, deixe-a nos comentários para que possamos ajudar. Compartilhe o conteúdo também, para ajudar mais pessoas!

Saiba mais: https://spatconsult.com.br/cursos-nrs/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima